quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Como criar uma variável dummy para o "tempo" no Stata

Geralmente precisamos incluir dummies para o período de tempo dos dados, para testar algum efeito específico, ou para controlar os anos "por fora".

Existe uma forma fácil de criar a dummy dentro do próprio Stata, considerando, por exemplo, que você tem uma "coluna" que representa a variável "ano" (conforme a imagem abaixo).
Coluna que representa a variável "ano"
Tendo uma coluna com os anos de cada observação, você pode criar a dummy de duas formas:

Forma 1 - mais trabalhosa

g ano2008=0
replace ano2008=1 if ano==2008

Você repete o procedimento para cada dummy que quer criar.

Se você quiser criar uma dummy para separar os anos após a adoção das IFRS completas no Brasil, incluindo 2010, poderá fazer o seguinte:

g posIFRS=0
replace posIFRS=1 if ano>2009

Forma 2 - menos trabalhosa

Essa eu descobri recentemente (sou um usuário recente do Stata, entendam isso).

g ano2008=(ano==2008)

Assim você já resolve o problema todo de uma vez só.

O mesmo serve para a variável "posIFRS":

g posIFRS=(ano>2009)

Após isso, a variável dummy está criada:

Dummy criada

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

STJ mantém condenação por insider trading [Caso Sadia]

Há alguns anos nós reportamos aqui no blog a primeira sentença sobre insider trading aqui no Brasil, no caso que envolveu alguns ex-executivos da Sadia e divulgamos depois de algum tempo os autos do processo (link alternativo).

Recentemente o STJ manteve a decisão, em que os acusados terão que cumprir pena de reclusão de até dois anos e seis meses (infelizmente convertida em prestação de serviços comunitários), além do valor simbólico em formato de multa de até R$ 375 mil.

Esta notícia completa está publicada no site do Valor.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Como instalar um programa (.ado) no Stata que não está na SSC?

Quando você precisa de algo no Stata, pode procurar pela solução em vários locais. Eu geralmente coloco o teste no Google (how to test blablablabla in Stata - normalmente não encontramos nada em português, por isso estou fazendo alguns posts aqui no blog).

Após a pesquisa no Google, eu encontro o nome do programa (que é comando que temos que usar, a exemplo da regressão quantílica, qreg, que está começando a ser muito usada nas pesquisas de contabilidade e finanças) e uso o comando ssc install nome_do_programa.

Todavia, nem todos os programas estão na base da SSC, então você precisar programar (criar o programa) ou procurar por alguém que já tenha feito isso (no Google, nos fóruns do Stata etc). 

No meu exemplo, eu estava tentando instalar o Mishkin test (o criador deste ado tem vários outros interessantes para a nossa área). Após encontrar e baixar o arquivo ".ado", basta proceder da seguinte forma:

1) Copie ele na pasta C:\ado\plus\m;
2) Use o programa à vontade.

A letra m no caminho daquela pasta que coloquei no item 1 é porque o programa começa com a letra m (mishkin.ado). Se fosse com a letra f, você copiaria na pasta f. Caso você não tenha ainda a pasta m, basta criá-la.

Mais uma vez, caso alguém queira complementar o post, basta me avisar. Não sou especialista em programas. Uso o Stata há pouco tempo e tenho visto alguns colegas com algumas dificuldades em utilizá-lo, sendo esta a motivação para fazer esses posts.

Até o próximo!

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Correlação espúria

Quando começamos a aprender a usar alguns métodos quantitativos, temos uma tendência a querer usá-los indiscriminadamente. Isso pode fazer com que deixemos a teoria um pouco de lado e, com isso, podemos tirar algumas conclusões que advém de coisas como as correlações espúrias.

Há uma ou duas semanas o Professor Jorge Scarpin (UFPR) indicou esse link com vários exemplos de correlações espúrias. Como ontem eu postei um joguinho para adivinhar os coeficientes de correlação com base em gráficos de dispersão, hoje posto esse link para vocês se divertirem mais um pouco na prévia do Carnaval.

Os mais engraçados são esses:

É claro. Os cientistas da computação trabalham para criar video games mais divertidos, isso faz a receita aumentar.



Eles percebem que está todo mundo doido, então vão procurar vida em outros planetas - que serão comercializáveis no futuro... kkkk





Esse aqui eu não tenha a menor ideia de como tentar explicar. Será que as esposas não gostam dos maridos assistindo ao Miss America e jogo água quente neles enquanto dormem?

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Jogo para adivinhar as correlações

O Professor Paulo Victor Novaes me indicou um jogo bem divertido, em que o objetivo é tentar adivinhar os coeficientes de correlação a partir de gráficos de dispersão. Se você erra muito, você perde uma vida, se quase acerta, ganha uma vida. Você pode ganhar moedas etc.

Vale à pena jogar Guess the Correlation.

Existem outros jogos sobre o tema: Guessing Correlations. Esse é bem mais fácil, porque ele dá opções. Nunca errei nenhuma, com esse das opções 8-)))))



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...